DICAS DE UMA VETERINÁRIA #8

By Olívia Muniz - junho 17, 2018


Olá a todos :) Como está a correr o vosso fim de semana cheio de sol e calor? Muita praia?
Por aqui tem sido de trabalho. Este é mais um dos fins de semana no qual fiquei com o telemóvel das urgências.
Ao contrário de muitas profissões, a medicina veterinária é uma área de constante estudo e aprendizagem, de modo a podermos fornecer aos nossos pacientes os melhores tratamentos. Quando tenho tempo, gosto de pesquisar sobre vários temas, muitas vezes relacionados com as doenças de animais que tenha internado recentemente.
Ultimamente, tenho dedicado parte do meu tempo livre a estudar uma área que até agora nunca me tinha chamado muito a atenção: nutrição e alimentação felina, e tenho vindo a descobrir umas coisas muito interessantes e diferentes daquilo que estamos habituados e das quais a maior parte dos meus colegas recomenda.

Para começar, é importante saber que os gatos são carnívoros estritos: ora isto significa que o tracto gastro-intestinal está adaptado para comer apenas carne. Logo a partir daqui, percebemos que há um grande conflito entre a necessidade dos nossos gatinhos e aquilo que é oferecido no mercado. A maior parte das rações comercias (mesmo as ditas premium) têm uma grande percentagem de cereais. Se for em pequenas, não há grande problema, mas se virmos as tabelas nutricionais e informação, na maior parte das rações os cereais são logo o segundo ingrediente da lista, o que é péssimo.

Para além disso, a ração seca tem uma percentagem de humidade muito baixa, quando em comparação com a alimentação que teriam na natureza (ratos, pequenos pássaros e afins). Mesmo gatos que bebam muita água, estão sempre cronicamente desidratados, o que pode levar a problemas renais e urinários (doenças muito comuns nos gatos).

Há já alguns veterinários que recomendam a eliminação da ração por completo da alimentação dos gatos e passar a administrar apenas alimentos húmidos ou até mesmo comida crua. Claro que esta transição, principalmente me animais que comem ração já há muito tempo tem de ser lenta. Para além disso, os alimentos crus, se não forem devidamente preparados e suplementados pode vir a criar grandes problemas no animal, inclusive intoxicações.
Estou a pensar criar uma lista de receitas e dicas para quem estiver interessado neste tema, e num futuro, começar a dar wokshops sobre nutrição e alimentação felina. Estariam interessados em participar?

  • Share:

You Might Also Like

25 comentários

  1. Eu por norma dou comida húmida à minha e depois tenho apenas a ração disponível para quando ela tiver fome. Caso opte por eliminar por completo a ração, como sei quantas vezes devo alimentar a minha pequena?

    THE PINK ELEPHANT SHOE

    ResponderEliminar
  2. Por acaso comida húmida não é uma coisa que dou aos meus cães, mas gostei bastante da tua partilha
    Beijinhos
    Novo post (Review De Calça?) // CantinhoDaSofia /Facebook /Intagram
    Tem post novos todos os dias

    ResponderEliminar
  3. Belas dicas . A minha gata damos ração, mas por vezes damos um miminho, damos comida de lata da Purina Gourmet :)
    Beijinho *

    https://w-m-mind.blogs.sapo.pt/

    ResponderEliminar
  4. Cá por caso, damos ração aos nossos gatos e, à noite, damos comida húmida. Mas foi muito interessante ficar a saber estas informações, obrigada pela partilha!
    Acho, muito honestamente, que os workshops são uma excelente ideia *-*

    r: Venha quarta rápido :D ahah

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  5. Excelente dicas!!
    Beijinhos.
    http://www.opecadomoraemcasa.pt/

    ResponderEliminar
  6. Amazing post, dear! A big hello from Germany!
    Hugs ♥
    LIANA LAURIE

    ResponderEliminar
  7. Por norma dou ração ao meu bichano, mas sei que não é a melhor das opções - e dos gatos que ficaram em casa dos meus pais, um já teve problemas precisamente por isso . Que outras opções recomendas? Gostava de transitar para a comida crua mas não sei o que lhes dar...

    Jiji

    ResponderEliminar
  8. Eu estaria muito interessada. Quero o melhor para a minha menina <3

    ResponderEliminar
  9. Eu tenho 2 gatos e dou ração seca da Purina à disposição e à noite um pouco de comida húmida que eles adoram. Ainda assim bebem muita água. Olha, andei à procura do teu mail mas não encontrei, será que me sabes dar um conselho? O macho é castrado e tem 8 anos. De há uns tempos para cá começou a fazer xixi fora da areia e por todo o lado. Nas portas, cortinados, móveis e até cantos do sofá Tive de o pôr na rua sem o deixar entrar. Tem na mesma condições, entra e sai da garagem conforme quer onde tem a comida, areia e várias camas. Prefere dor Mir na rua, mas dá - me tanta pena, ele adorava dormir no sofá à janela. Tens alguma ideia do que possa fazer para evitar estes xixi dentro de casa?

    ResponderEliminar
  10. Por acaso já tinha conhecimento disso visto que aposto sempre numa alimentação equilibrada. Mas lá está o que tenho reparado é que as "famosas" marcas por vezes são as piores!!!! Contudo estes cá em casa fartam-se de caçar e assim por isso :b
    Excelente post e muito informativo!

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  11. Beautiful post, dear! I like your blog.
    Following you! Follow back?

    https://minnieart.blogspot.com

    ResponderEliminar
  12. Um post muito útil! Obrigada pela partilha! :D

    amarcadamarta.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  13. Eu costumo intercalar, dou ração e comida húmida!!

    Novo post: http://abpmartinsdreamwithme.blogspot.com/2018/06/ootd-79-black-white-is-always-good-idea.html

    Beijinhos ♥

    ResponderEliminar
  14. muy interesante! me gusta este blogpost :)

    Check out my latest blog post:
    BOHO-CHIC LOOK | STYLING HEIDI'S KLUM #LETSLOVESUMMER 2018 LINE
    ---> https://evaredson.blogspot.com/2018/06/boho-chic-look-styling-heidis-klum.html

    xx Eva

    ResponderEliminar
  15. Acho que a aprendizagem constante faz parte e é necessárias em todas as profissões, mas infelizmente há muita gente que não se atualiza.
    Boa dicas.

    ResponderEliminar
  16. Workshops sobre nutrição e alimentação felina, parece bastante interessante e seria bastante util, eu participaria sim.

    ResponderEliminar
  17. Estou super interessada!!!!!! A sério! Eu tive cães a vida toda... não entendo nada de gatos. Inclusivamente, sou um bocadinho alérgica, mas independentemente disso, o meu médico disse que não há nada melhor para combater a alergia, do que o contacto com o foco (se é verdade ou não, não sei... mas já ressinto menos!).
    Eu e o meu namorado vamos viver juntos e adotámos uma gatinha e, confesso, assusta-me saber tão pouco sobre gatos. Já tinha lido coisas sobre os a"aparentes malefícios" das rações disponibilizadas no mercado e estou mt curiosa sobre o assunto!

    Beijinhos,
    Raquel

    www.jesuispirosa.blogspot.com

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu não diria que contacto que o foco é a melhor opção :D Eu desenvolvi alergias a gatos há uns anos e, sempre que visitava pessoas que tem gatos, era um filme. Nunca me passou, não melhorou e nem o anti-histamínico ajudava. Quando nos mudamos para os EUA, decidi ir ver como reagia, outra vez, aos gatos e, depois de 15min, fiquei super congestionada (olhos, nariz) durante dias! Até vermelhidão na pele.

      O que resolveu? Um gato de raça siberiana. Temo-lo há quase 1 ano e nada de alergias. Dizem que esta raça é hipoalergénica. Não sei até que ponto funciona com toda a gente, mas comigo funcionou :D

      Aliás, escrevo sobre isso lá no meu blog pra ajudar as pessoas que são alérgicas, como eu, mas gostavam de ter um gato.

      Beijinhos

      Eliminar
  18. eu dou ração seca à minha gata e ela bebe bastante água por ela própria. não liga nada nada nada a comidas húmidas mas, como bebe bastante água, não vejo muito problema... e siiiim, mete mais dicas e mais posts sobre isto que é interessante :)

    ResponderEliminar
  19. Cá por casa as minhas gatinhas comem maioritariamente ração seca e também passam a vida a caçar ratos e afins. De vez em quando dou-lhes comida húmida, mas por acaso já andava a pensar começar a dar-lhes mais vezes, exatamente por ter ouvido dizer que eles deviam comer rações mais húmidas.
    Gostei desta publicação, por isso podes trazer mais dicas :)

    Uma dúvida, uma das minhas gatinhas perdeu imenso pêlo, seria normal se não fosse na quantidade que foi, pois ficou com grandes "peladelas" na zona da barriga, patas de trás e rabo. Já fui ao veterinário, ele deu-lhe umas vitaminas e parece-me que já está a melhorar. Ele disse que deve ter sido alguma alergia, ou assim, mas fiquei mesmo assustada. O que achas que poderá\pode ser? Já tiveste algum caso do género?

    ResponderEliminar
  20. Não fazia ideia! Por casa nunca tivemos gatos mas é bom saber.

    Beijinhos,
    Yellow Rain

    ResponderEliminar
  21. Heeeey! Por aqui o tempo está mais para o inverno do que o verão, mas fazer o quê (risos)?!

    Ótimo post! Por acaso nunca tive noção disso, deve ser mesmo pelo facto de nunca ter tido um felino aqui em casa, porém adoravaaaaa! Vou anotar para quando adotar um.

    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  22. Não fazia a mínima ideia! A minha gatinha tanto come comida seca como húmida, e muitas vezes damos-lhe carne ou peixe se acabar por sobrar das refeições!

    https://mundodablue.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  23. Já tentamos dar ao nosso gato uma alimentação simplesmente crua, da qual ele não gostou muito e, desde então, temos lhe dado uma ração com o maior teor de proteina oferecido no mercado e sem grãos. É bom o facto de falares sobre isto porque a comida oferecida no mercado, é o completo oposto daquilo que eles precisam. Já tive um gato que sofreu de problemas renais, portanto faço o máximo que posso para garantir que o que tenho agora tem uma vida saudável e isso passa, muito, pela alimentação!

    ResponderEliminar
  24. Não tenho gatinhos, mas esta informação parece-me tão importante que vou passá-la a um casal amigo com dois filhotes felinos (que por acaso são bem obesos...). Fico à espera de saber mais sobre os nosso pequenos amigos.

    Beijinhos
    Travel, Tips & Lifestyle

    ResponderEliminar